Formação Ministerial para a Pós-Modernidade

CURSO LIVRE para obreiros, pastores, líderes de grupos, ministérios e departamentos. APROFUNDAMENTO em ética inclusão, vocação, pregação, ensino e o cuidado pastoral. PRÁTICA e estratégias de ensino-aprendizagem para um exercício eficaz do ministério na sociedade contemporânea
Curso de Extensão Presencial

PROFESSORES

Gleyds Domingues

Gleyds Domingues

Graduada em Educação Cristã, Pedagogia e Teologia. Mestre em Educação pela Universidade Metodista de Piracicaba (SP). Doutora em Teologia pela Faculdades EST (RS). Pós-Doutora em Educação e Religião pela Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PR). Professora nas Faculdades Batista do Paraná, possui larga experiência na área de Educação e Teologia, com ênfase na formação de professores e educação cristã, atuando principalmente nos temas: trabalho e formação; didática; políticas educacionais; cosmovisão; ensino bíblico e missiologia.

Leclerc Victer

Leclerc Victer

Pastor titular da igreja Projeto Água da Vida do Fonseca na cidade de Niterói (RJ). Bacharel e Mestrando em Teologia pelas Faculdades Batista do Paraná (PR), Mestre em Sistemas de Gestão pela UFF (RJ), professor, jornalista e teólogo. Leciona na Escola Teológica Reformada, no Seminário Betel Brasileiro e no Seminário Teológico Congregacional de Niterói (RJ). Mais de 20 anos de experiência em projetos de formação e desenvolvimento nas áreas de Gestão e Liderança, Docência, Teologia e Formação Ministerial.

Judiclay Santos

Judiclay Santos

Pastor titular da Igreja Batista no Jardim Botânico (RJ). Graduado pelo Seminário Teológico Batista do Sul do Brasil (RJ), é Mestrando em Divindade, com ênfase em teologia histórica pelo Centro de Estudos Andrew Jumper, da Universidade Presbiteriana Mackenzie (SP). Leciona no Seminário Martin Bucer, em São José dos Campos (SP).

Daniele Gotardo Veloso

Daniele Gotardo Veloso

Graduada em Fonoaudiologia, é especialista em educação especial e educação bilíngue para Surdos Letras/Libras/Língua Portuguesa PROLIBRAS 2011.0195. Bacharel em Teologia e Mestranda em Teologia Profissional pelas Faculdades Batista do Paraná (PR). Atualmente, trabalha como Ministra na Primeira Igreja Batista de Curitiba (PR).

 Luis Pires de Carvalho

Luis Pires de Carvalho

Pastor titular da Igreja Evangélica Videira do Vale Feliz, em Niterói (RJ). Bacharel em Teologia pelo Seminário Teológico Escola de Pastores. Professor de Teologia no Seminário Teológico Congregacional de Niterói e no Seminário Teológico Água da Vida. Especialista nos movimentos evangélicos contemporâneos e formação ministerial.

A pós-modernidade é um fenômeno social caracterizado pela forte rejeição ao projeto da modernidade: uma sociedade mais justa e mais feliz pelo pleno desenvolvimento da razão. Mas essa mesma pós-modernidade pode ser caracterizada pelo resgate de valores antigos. Em sua frustração com o racionalismo, ela super-dimensiona a importância dos sentimentos, emoções e vontade individual – o que, de fato, fez – e redescobre a necessidade de recuperar bases relacionais como o amor, a humildade, a honestidade, o perdão, o respeito, e assim por diante.

Por isso, o desafio da liderança, bem como dos novos obreiros e ministérios, já não é a razão e o pensamento, mas serviço, relacionalidade e carisma. Conhecimento e capacitação intelectual não são sinônimos de sucesso em liderança – o que não significa que deixaram de ser importantes no processo de formação do líder. Entretanto, à liderança contemporânea precisamos acrescentar os valores de caráter e sociabilidade antes não claramente contemplados. Cremos que se unirmos ao conhecimento – que transforma-se aqui em um conjunto de técnicas eficazes para o uso na obtenção de resultados – os antigos valores do amor ao próximo, da humildade de espírito, do perdão sem reservas, da cooperação, do altruísmo, da esperança, desenvolveremos uma liderança bem-sucedida.

PRECISAMOS DE NOVOS OBREIROS! De pessoas preparadas para esse tempo. Gente capaz de comunicar o Evangelho com Graça e assertividade. Gente que comunica, que dialoga, que se faz ouvir e pode influenciar sem, contudo, abrir mão do Evangelho e da Palavra de Deus.

Módulo 1
VOCAÇÃO MINISTERIAL
O chamado para o ministério é diferente em, pelo menos, três sentidos: (1) não se baseia em tendências, mas no chamado de Cristo mediante o conhecimento de sua vontade e o testemunho interior do Espírito Santo; (2) não objetiva uma profissão nem um cargo para realização pessoal, mas uma posição de serviço que requer abnegação e transformação de caráter; e (3) implica o cumprimento exemplar de obediência à Palavra em todo o processo de crescimento espiritual, e capacitações e habilitações para a pregação e o cuidado público e individual. Portanto, neste módulo consideraremos que é preciso lutar contra o relativismo, contra o pragmatismo e contra o subjetivismo.

Módulo 2
COSMOVISÃO E ENSINO
Cada vez mais se faz necessário desenvolver a formação e o ensino sob uma cosmovisão cristã aplicada à pedagogia, à missão e ao currículo. Cada um destes três pontos é peça chave no desenvolvimento da visão de mundo do aluno e terá impacto na sua formação como um todo. Mas o que é cosmovisão cristã? Que aplicação prática ou implicações éticas têm as verdades bíblicas? Como os cristãos podem influenciar a ordem social? Portanto, neste módulo veremos da abordagem teórica às ações práticas, da Igreja Primitiva à Reforma, das experiências históricas ao contexto brasileiro de pobreza, do compromisso com a piedade à prática da missão. cosmovisão e transformação apontam elementos à espiritualidade que não deixa inalteradas as nossas relações sociais.

Módulo 3
O MINISTÉRIO DA PREGAÇÃO
A supremacia da pregação, o conteúdo da pregação e a arte de ouvir a pregação. Cosmovisão bíblica é ler o mundo pela Bíblia. Reconhecer sua autoridade para interpretar as atitudes dos homens e o rumo dos eventos. A base e o conteúdo da pregação, não ilustrações enlatadas, nem conceitos de classe média ou do contexto social em que a igreja e o pregador estão inseridos. Cosmovisão bíblica é questão teológica. É o reconhecimento de que existe uma fonte de verdade fora de nós (não apenas como pessoas, mas como cultura) e que essa fonte de verdade é, especificamente, a Palavra. Portanto, neste módulo consideraremos que é preciso pregar, ensinar e anunciar a Palavra de forma consistente e constante.

Módulo 4
OS DESAFIOS REAIS E ATUAIS
Observando o aumento explosivo da população evangélica, a partir dos anos oitenta, com todas as suas contradições e polêmicas, saúde e patologia, bem como toda a sua enorme gama denominacional, e sua carência de um conteúdo bíblico e teológico bem fundamentado, chegamos à problemática da igreja pós-moderna. Como reagir a tantos movimentos em seus aspectos negativos? Como contribuir de forma mais saudável para o crescimento da igreja evangélica brasileira, visto ser o maior responsável por ele? Precisamos de líderes relevantes tanto na área teológica quanto na área eclesiológica. Devido a tantas contradições e práticas doutrinárias diferentes entre as denominações e, muitas vezes, conflitantes com a Palavra de Deus, tornou-se praticamente impossível definir hoje o que é ser evangélico e o que é ser igreja evangélica, na essência. Urge, então, a capacitação de pessoas que contribuam para a mudança deste cenário, não apenas com críticas, denúncias e acusações.

Módulo 5 
O CUIDADO COM AS PESSOAS
A marca mais evidente de nossa época é o individualismo. A Bíblia, no entanto, ensina que os dois principais mandamentos são: amar a Deus sobre todas as coisas e o próximo como a nós mesmos. Mas, se desconsiderarmos que Deus atua em nossa vida, como poderemos imaginar que o próximo poderá nos ser útil em uma vida em sociedade? A tendência, portanto, é viver juntos – mesmo assim, as redes sociais, os edifícios de luxo e outras modernidades afastam uns dos outros – mas totalmente separados. O que interessa para Deus é a proximidade de propósito e a unidade de vida. Portanto, neste módulo consideraremos os seguintes pontos: (1) A quem se trata o cuidado? (2) A legislação em favor aos excluídos (3) Teologia Inclusiva X Teologia da Inclusão, e (4) Proposta de Pastoral da Inclusão.

Exposição participativa, vivências e dinâmicas onde o grupo terá a oportunidade de interagir com o conteúdo de forma lúdica e educativa. A teoria abrange conceitos e técnicas que serão ilustrados com casos atuais e a apresentação dos desafios enfrentados na superação dos obstáculos encontrados.

CURSO LIVRE para obreiros, pastores, líderes de grupos, ministérios e departamentos. APROFUNDAMENTO em ética inclusão, vocação, pregação, ensino e o cuidado pastoral. PRÁTICA e estratégias de ensino-aprendizagem para um exercício eficaz do ministério na sociedade contemporânea.

:: Aula presencial em turmas com número limitado de alunos
:: Certificado digital de participação
:: Coffee break
:: Material do curso – apostila exclusiva.

Obs.: abertura da turma está condicionada a quantidade mínima de matriculados.

Datas e Horários das aulas

30 de Setembro
28 de Outubro
04 de Novembro
18 de Novembro
Sempre das 9 às 18 horas

Local

SEMINÁRIO TEOLÓGICO BATISTA DE NITERÓI
Avenida Marquês do Paraná 229, Centro, Niterói (RJ)

Investimento

Curso completo
Taxa de Matrícula de R$ 80,00
Mais quatro parcelas de R$ 141,90

Cada módulo separado
Taxa de Matrícula de R$ 30,00
Mais parcelas única de R$ 169,90

Contato

contato@educcere.com
(21) 4105-3469 / 97122-2348 / 99860-4151

AGUARDE!
Em breve abriremos uma nova turma